Nota de Repúdio – Incidente ocorrido em Campinas

Chegou ao nosso conhecimento fato absolutamente infeliz ocorrido na Cidade de Campinas nos últimos dias, envolvendo um dos nossos operacionais em face de policiais militares lotados na supramencionada Cidade.

Sem fazer juízo de valor acerca da ocorrência em si, mas partindo-se da premissa que todos, sem exceção, devem gozar e são destinatários do amplo direito de defesa e contraditório, em expediente procedimental que garanta o devido processo legal, é repugnante ter ciência de que policial civil foi severamente desrespeitado e ofendido, inclusive no uso regular das prerrogativas que são inerentes à sua função policial.

A eventual condução de policial civil por policiais militares ao Distrito Policial de maneira desrespeitosa e ilegal, fere, antes de mais nada, a instituição Polícia Civil e, por via de consequência, a própria Segurança Pública como está organizada em nosso Estado.

Não se trata de exigir tratamento diferenciado ao policial civil em detrimento de outros cidadãos. As garantias que envolvem nossa função tem como destinatário, antes de mais nada, o próprio Povo, em face do exercício arbitrário de Poder.

Esperamos que estes episódios infelizes, por vezes perpetrados por agentes que desconhecem do próprio ferramental legal e que acirram de maneira irresponsável os ânimos entre as instituições, permaneçam localizados. A união traz o equilíbrio e o equilíbrio traz a força. Que sejam devidamente responsabilizados os agentes a que nos referimos, no âmbito do seu órgão correcional. Esperamos, outrossim, que diante de situações como estas, saibamos usar nosso instrumental para garantir a lei e a ordem. É assim que faremos uma Polícia Civil forte e perene!

A Diretoria.